segunda-feira, 30 de abril de 2012

QUEM É SEU PAI?

Vamos tentar decifrar o que os autores da bíblia dizem sobre filiação. Antes de Jesus vir e nos adotar, éramos filho de quem? Quem nos formou do pó da terra? Quem é nosso pai? Como viemos parar aqui nesse mundo? Compararemos as declarações dos autores da bíblia.

Paulo diz: Assim, meus irmãos, também vós estais mortos para a lei pelo corpo de Cristo, para que sejais de outro; Rm 7:4. De outro? Quem é esse outro?

Se é necessário morrer pra lei segundo Paulo, então Cristo não tem nada haver com a lei. Jeová disse a Faraó: Israel é meu filho, meu primogênito; Ex 4:22.

Abriria eu a madre, e não geraria? Diz Jeová; geraria eu, e fecharia a madre? Is 6:9.

Tudo o que abre a madre meu é, inclusive de animais... Ex 34:19 / 13:2.

Jeová disse: Eis que todas as almas são minhas; como a alma do pai, também a alma do filho é minha; Ez 18:4.

Se Jeová é o Pai de Jesus comprou as almas do seu próprio pai? Veja o que Paulo e Pedro dizem: Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus; I Cor 6:20 /I Pd 18-19.

Se Jesus comprou com seu sangue, comprou de alguém, a teologia declara que Jesus comprou do Diabo, mas as almas todas são de Jeová, e não do Diabo. Então Jesus comprou as almas de Jeová, logo segundo os autores da bíblia toda a humanidade são filhos de Jeová na carne, somos por natureza filhos dos deuses. Acontece que na visão de Paulo carne e sangue são corrupção; I Cor 15:50.

João disse: O espírito é o que vivifica, a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos disse são espírito e vida; Jo 6:63. Se a carne não pode herdar o reino dos céus, se a carne e sangue são corrupção, se a carne para nada se aproveita, o pai de Jesus formaria filhos na carne? João declarou que o Pai de Jesus gerou 1 filho na carne: Jesus Cristo; Jo 3:16.

Eis que eu sou o Senhor Jeová, o Deus de toda a carne; Jr 32:27. Jeová é o deus da carne, logo Cristo não é na visão de Paulo e João. Vede quão grande amor nos tem concedido o Pai, que fôssemos chamados filhos de Deus... Amados, agora somos filhos de Deus, I Jo 3:1-2. Porque só agora somos filhos de Deus? Porque não éramos. Jeová declarou ser o Deus de toda a carne, que todas as almas são suas. Então de quem éramos filhos antes de Cristo vir a terra? O velho testamento não bate com o novo nem a pau.

Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes em temor, mas recebestes o espírito de adoção de filhos; Rm 8:15. E não só ela, mas nós mesmos, que temos as primícias do espírito, também gememos em nós mesmos, esperando a adoção, a saber, a redenção do nosso corpo; Rm 8:23. Paulo disse que somos adotados, deixando claro a nossa filiação. 

Para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoção de filhos; Gl 4:5. Esse texto é claro: Quem estava debaixo da lei? Israel estava debaixo da lei, por isso Jeová declarou ser Israel seu filho. E nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo; Ef 1:5.

Somos adotados por Cristo, Cristo nos adotou do nosso pai Jeová, para nos dar um novo corpo, ou seja, somos gerados de novo e nos tornamos filhos legítimos de Deus. Pois agora sim somos nascidos de Deus, gerados no espírito e não na carne, segundo João.

Jeová declarou: Porque toda a terra é minha; Ex 18:5. Meu é o mundo e toda a sua plenitude; Sl 50:12. De Jeová é a terra e a sua plenitude, o mundo e aqueles que nele habitam; Sl 24:1. Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo; se o meu reino fosse deste mundo, pelejariam os meus servos... meu reino não é daqui; Jo 18:36. Já não falarei muito convosco, porque se aproxima o príncipe deste mundo, e nada tem em mim; Jo 14:30 / Jo 16:11 / Ef 2:2 / I Jo 2:15. João e Paulo tem praticamente a mesma visão com relação a adoção dos homens.

Uma bomba: Tudo fez formoso em seu tempo; também pôs o mundo no coração do homem, sem que este possa descobrir a obra que Deus fez desde o princípio até ao fim; Ecl 3:11. Jeová poderia evitar o nascimento de ímpios? Em Pv 16:4 diz que Jeová faz o ímpio para o dia da calamidade, ou seja, pro dia da enfermidade, da dor, do acidente, da depressão, ele cria o estuprador, o assassino, o louco, o pedófilo e aí vai uma lista de males que vem dele. Os judeus criaram um mito que é na verdade um monstro.

Resumo
Na narrativa dos autores da mitologia do velho testamento todos são filhos de Jeová na carne, pois fomos gerados por ele. Mas os autores da novela do novo testamento somos filhos adotados, somente nos tornamos filhos de Deus se aceitarmos praticar a religião cristã. Sinceramente não sei qual dos autores tem a mente mais fértil para inventar fabulas. 

sexta-feira, 27 de abril de 2012

O CRIADOR DAS TREVAS

Então falou Salomão inspirado pela sabedoria de Jeová: Jeová disse que habitaria nas trevas; II Cr 6:1. Jeová “mora na escuridão”. Davi também inspirado por Jeová declarou que pra Jeová luz e trevas é a mesma coisa, Jeová já nem sabe mais a diferença entre a luz e as trevas, pois mergulhado esta na escuridão, veja: Nem ainda as trevas me encobrem de ti; mas a noite resplandece como o dia; as trevas e a luz são para ti a mesma coisa; Sl 139:12.

Fez das trevas o seu lugar oculto; o pavilhão que o cercava era a escuridão das águas e as nuvens dos céus; Sl 18:11. Águas num plano espiritual são povos e nações, isso significa que Jeová habita na podridão dos homens. Jeová disse pelo profeta Isaías: Eu formo a luz, e crio as trevas; eu faço a paz, e crio o mal; eu, o Senhor Jeová, faço todas estas coisas; Is 45:7. O profeta desesperado declara: Sucederá algum mau a cidade que não venha de Jeová; Am 3:6. Além de criar o mau, Jeová sente prazer, veja: E será que, assim como o Senhor se deleitava em vós, em fazer-vos bem e multiplicar-vos, assim o Senhor se deleitará em destruir-vos e consumir-vos; e desarraigados sereis da terra a qual passais a possuir; Dt 28:63.

Jeová disse: Eis que eu criei o ferreiro, que assopra as brasas no fogo, e que produz a ferramenta para a sua obra; também criei o assolador, para destruir; Is 54:16. Identificamos aqui quem criou o Diabo. Em Êxodo 20:21 encontramos: E o povo estava em pé de longe; Moisés, porém, se chegou à escuridão, onde o Jeová estava. O autor da carta aos hebreus declarou: Porque não chegastes ao monte palpável (Monte Sinai) aceso em fogo, e à escuridão, e às trevas, e à tempestade. E ao sonido da trombeta, e à voz das palavras (do anjo), a qual os que a ouviram pediram que se lhes não falasse mais; porque não podiam suportar o que se lhes mandava: Se até um animal tocar o monte será apedrejado ou passado com um dardo; Hb 12:18-21.

E tão terrível era a visão, que Moisés disse: Estou todo assombrado, e tremendo. Terrível era a visão. Vamos ao dicionário ver adjetivos da palavra terrível:

1. Que infunde terror
2. Assustador
3. Medonho
4. Enorme
5. Extraordinário
6. Muito mau

Tiago, João e Paulo
Para esses autores do novo testamento Deus não é bem assim terrível com pintavam os autores do velho testamento, Deus agora é luz e habita numa luz inacessível, e aquela luz era falsa. É incrível como as coisas mudam; Tg 1:17 | I Jo 1:5 | Tm 6:16 | Jo 1:5 | Jo 1:9| Jo 9:5 | II Cor 4:6.

Resumo
Pela fabula judaica o deus Jeová é trevas, pois esta escrito. Mas na invenção do novo testamento Deus é apenas luz. Bela discrepância se tratando de um mesmo deus. Só não vê quem não quer. 

terça-feira, 24 de abril de 2012

MATANÇAS DE CRIANÇAS

Os mandamentos de Jeová são ruins, ele mesmo assume, Jeová disse: Por isso também lhes dei estatutos que não eram bons, juízos pelos quais não haviam de viver; Ez 20:25-26. Jeová também disse: E os contaminei em seus próprios dons, nos quais faziam passar pelo fogo tudo o que abre a madre (crianças); para assolá-los para que soubessem que eu sou o Senhor. Qual a razão de matanças de crianças? Para que todos saibam que Jeová é Senhor, o texto é claro, para se fazer conhecido. 

O verdadeiro Deus precisa matar crianças pra mostrar que é Deus? Jeová pediu oferta de sangue, a saber a morte dos primogênitos. Jeová disse: As tuas primícias, e os teus licores não retardarás; o primogênito de teus filhos me darás; Ex: 22:29. Santifica-me todo o primogênito, o que abrir toda a madre entre os filhos de Israel, de homens e de animais; porque meu é; Ex 13:2 / Lv 27:29. Santificar, separar, consagrar crianças significava matar e dar de oferta ao deus de Israel, e Jeová fala que Moloque é que gosta de matar crianças, Jeová tinha mesmo era inveja de Moloque. Jeová profetizou a morte dos primogênitos; Ex 4:22-23, por isso ninguém entrou na terra prometida, menos Calebe e Josué. Jeová matou a todos no deserto, pois Israel era primogênito e Jeová mata primogênitos. Jeová disse a Faraó: E eu te tenho dito: Deixa ir o meu filho (Isarel), para que me sirva (escravidão); mas tu recusaste deixá-lo ir; eis que eu matarei a teu filho, o teu primogênito. Mas Jeová endurecia o coração de Faraó, Ex 11:10.

Mas porque Jeová endurecia o coração de Faraó? Pra derramar suas desgraças no Egito e se fazer conhecido. Jeová já havia premeditado em Ex 4:23 a morte de centenas de crianças, e executou o seu plano maligno endurecendo o coração de Faraó! E aconteceu, à meia noite, Jeová  matou a todos os primogênitos na terra do Egito, desde o primogênito de Faraó, que se sentava em seu trono, até ao primogênito do cativo que estava no cárcere, e todos os primogênitos dos animais; Ex 12:29. Jeová gosta de ser lembrado por suas desgraças. Pelejar contra crianças indefesas é covardia. 

Nas guerras a ordem de Jeová era destruir crianças sem piedade, Jeová declarou: E suas crianças serão despedaçadas perante os seus olhos; as suas casas serão saqueadas, e as suas mulheres estupradas; Is 13:6. Jeová além de matar as crianças, manda estuprar as mães. Jeová pratica toda a sorte de atrocidade contra crianças e também mandou cozinhar as crianças e obrigou a pratica do canibalismo. Jeová disse: E comerás o fruto do teu ventre, a carne de teus filhos e de tuas filhas, que te der o Senhor teu deus, no cerco e no aperto com que os teus inimigos te apertarão; Dt 28:53 / Ez 5:9-10 / II RS 6:24-33. Em Isaías 13:18 Jeová manda não ter misericórdia das crianças, era pra matar sem dó. E os seus arcos despedaçarão os jovens, e não se compadecerão do fruto do ventre; os seus olhos não pouparão aos filhos. 

O ser humano pode ser ruim, mas é melhor que Jeová, aliás, muito animal por aí tem mais amor que JeováEliseu se irritou com uma brincadeira de 40 crianças que brincavam com a sua calvície, pois ele era careca. Eliseu se irou pela brincadeira e os amaldiçoou. Sabe o que Jeová fez? Mandou vir duas ursas que despedaçaram aqueles meninos, tudo por causa de uma brincadeira. Jeová odeia a pureza das crianças. 

Jesus é completamente diferente de Jeová, vamos ver como Jesus tratar as crianças: E traziam-lhe crianças para que lhes tocasse e Jesus disse: Deixai vir as crianças a mim, e não os impeçais; porque dos tais é o reino de Deus; Mc 10:13. Pra concluir: Porque tanta matança de crianças? O próprio Jeová deu a resposta: Para que todos saibam que ele é o Senhor, para se fazer conhecido. Bela maneira de fazer fama, destruindo bebes.

domingo, 22 de abril de 2012

DEFEITO FÍSICO

Segunda os autores da bíblia os defeitos físicos tem uma fonte, nesse poste vamos descobrir. Pra medicina "falha" genética. Pra igreja conseqüência do pecado pós queda de Adão. Para os autores da Bíblia, Deus.

Salomão ou o autor do livro de Eclesiastes escreveu: Atenta para a obra de “Deus”; porque quem poderá endireitar o que ele fez torto? Esse “deus” fabrica pessoas com defeito; Ecl 7:13. Vamos analisar que obra torta é essa; Jeová declara a Moisés: Quem fez a boca do homem? Ou quem fez o mudo, ou o surdo, ou o que vê, ou o cego? Não sou eu, Jeová? Ex 4:11. Jeová forma o mudo, o surdo, o cego, o coxo, o paralítico, e qualquer tipo de defeito físico. Em Levítico 21:17-23 Jeová fala a Arão, que ninguém de sua descendência, nas suas gerações, em que houvesse algum defeito físico, poderia ofertar e nem entrar no templo.

Jeová disse: Pois nenhum homem em quem houver alguma deformidade se chegará; como homem cego, ou coxo, ou de nariz chato, ou de membros demasiadamente compridos, ou homem que tiver quebrado o pé, ou a mão quebrada, ou corcunda, ou anão, ou que tiver defeito no olho, ou sarna, ou impigem, ou que tiver testículo quebrado. Nenhum homem da descendência de Arão, o sacerdote, em quem houver alguma deformidade, se chegará para oferecer as ofertas queimadas a Jeová; defeito nele há; não se chegará para oferecer o pão do seu Deus. porém até ao véu não entrará, nem se chegará ao altar, porquanto defeito há nele, para que não profane os meus santuários; porque eu sou o Senhor que "os santifico".

Jeová primeiro forma com defeito, e depois os proíbe de entrar no templo para adorá-lo. Pergunta-se no caso dos testículos quebrados como se verificava? Os homens tinham que abaixar as calças, e mostrar os testículos aos sacerdotes? Que cena bizarra! Pessoas com defeito físico é considero esterco pra Jeová, ele forma e depois joga fora. Jeová disse a Jeremias: Antes que te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre, te santifiquei; às nações te dei por profeta; Jr 1:5. No caso aqui, Jeremias deu sorte, Jeová não lhe atribuiu nenhum defeito físico, e outra, foi escolhido para ser um profeta, uma "pessoa importante".

Temos mais casos: Sansão, um escolhido desde o ventre; Jz 13 e 16. Mas no final Jeová infernizou tanto que Sansão de suicidou. Davi também constituído rei desde o ventre; Sl 71:6. Caim que já nasceu mau, Jeová formou no ventre de Eva um Caim ruim, porque nasceu mau? Porque foi formado mau. Jacó teve sorte também de não ter nascido com defeito; Is 44:2. Jeová não escolhe ninguém com defeito físico para adorá-lo, pelo contrário.

A origem das Doenças (Segundo os autores)

Segue abaixo uma pequena lista de doenças que Jeová inventou:
  1. Pragas do coração; Ex 9:14
  2. Enfermidades malignas grandes e permanentes que não foram escritos na lei, Dt 28:59-61.
  3. Terror, tísica, febre ardente e tormento a alma; Lv 26:16.
  4. Inflamação, calor ardente, secura, crestamento e ferrugem; Dt 28:22.
  5. Fome, peste amarga; dentes de feras com ardente veneno de serpentes do pó; Dt 32:24.
  6. Cólera; Sl 38:3 / Naum 1:6
  7. Pestes; Jr 29:17.
  8. Sarna, úlceras; Ex 9:9.
  9. Hemorroidas; I Sm 5:6.
  10. Chagas; Jó 9:17.
  11. Loucura, cegueira, e pasmo de coração (tristeza); Dt 28:28 / Zc 12:4
  12. Problemas sexuais; Mt 19:12. PRA QUE DIABO PRA QUEM TEM JEOVÁ?
Eliseu orou para que as pessoas ficassem cegas e Jeová atendeu; II Rs 6:18.
Jeová abre a madre para gerar filhos defeituosos. Jeová disse: Abriria eu a madre, e não geraria? Geraria eu, e fecharia a madre? Ex 34:19 / 13:2. Tudo o que abre a madre meu é, até todo o teu gado, que seja macho, e que abre a madre de vacas e de ovelhas; Is 6:9. 

Jeová cria o ímpio para o dia da calamidade, ou seja, se Jeová cria o ímpio, ele pode sim impedir o nascimento de pessoas más, mas não impede, sabe porque? Porque ele cria pessoas para o dia da desgraça, do acidente, da doença, para serem maus, errantes, bandidos, estupradores, assassinos, loucos, sem entendimento e etc; Pv 16:4.

Mulheres com problemas de Esterilidade
Jeová cerrou a madre de Ana; I Sam 1:5-6. Jeová gera filhos errados desde o ventre. Alienam-se os ímpios desde a madre; andam errados desde que nasceram, falando mentiras; Sl 58:3. Nem tu as ouviste, nem tu as conheceste, nem tampouco há muito foi aberto o teu ouvido, porque eu sabia que procederias muito perfidamente, e que eras chamado transgressor desde o ventre; Is 48:8. Israel já nasceu errante.

A ordem era para ir a guerra matar e não ter misericórdia; Jeová disse: E os seus arcos despedaçarão os jovens, e não se compadecerão do fruto do ventre (crianças); os seus olhos não pouparão aos filhos; Is 13:18. De onde vem a pobreza? O rico e o pobre se encontram; a todos Jeová os fez. Jeová forma ricos e pobres. Pois nunca deixará de haver pobre na terra; Pv 22:2 / Dt 15:11. Jeová é o deus da miséria.

Resumo
Diante dessas informações concluímos: Os autores da bíblia criaram um monstro em suas mentes malucas e férteis. Se Jeová é mesmo deus, logo é um deus cruel e maligno. A religião judaica é uma das mais insanas que existem. Esses textos antigos da idade média não explicam nada. Continuamos no escuro, não sabemos quem nos criou, e nem temos o controle de nada. 

A VERDADE SOBRE O DÍZIMO

Dízimo: Décima parte de alimentos no contexto da bíblia
Dízima: Décima parte dos rendimentos = $$$

A lei de Jeová diz: Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o Senhor dos exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes; Ml 3:10. Sabemos que a lei só valia para Israel, logo o dízimo era um mandamento para judeus e não para os outros povos. Jeová determinou o dízimo para que houvesse suprimento para os levitas que trabalhavam nas tendas da congregação. E o que os israelitas traziam era 10% dos alimentos. Se Jeová quisesse que trouxesse dinheiro, teria dado a ordem para trazer dinheiro, e não alimentos. Na época já existia dinheiro; GN 23:16/17:23/ Dt 14:25.

Segundo Paulo o fim da lei é Cristo, seria o fim de uma religião e o inicio de outra; Rm 10:4. Jeová disse em Ageu 2:8: Minha é a prata, meu é o ouro diz o Senhor dos exércitos. Vamos conferir um dom do deus Jeová, o texto diz: E a todo o homem, a quem "Deus" deu riquezas e bens, e lhe deu poder para delas comer e tomar a sua porção, e gozar do seu trabalho, isto é dom de “Deus”; Ecl 5:19. Sabe porque existe pobre? Porque Jeová só enriquece quem ele quer. Mas como tudo o que Jeová coloca o dedo apodrece, veja o acontece com os homens a quem Jeová confere riquezas: Um homem a quem "deus" deu riquezas, bens e honra, e nada lhe falta de tudo quanto a sua alma deseja, e deus não lhe dá poder para daí comer, antes o estranho lho come; também isto é vaidade e má enfermidade; Ecl 6:2. E a pobreza vem de onde? Pobreza também vem do Senhor dos exércitos, os textos são claros, Jeová dá a quem ele quer; Pv 22:2/Dt 15:11.

Onde é a Casa do Tesouro?
A casa do tesouro era em Jerusalém, era o templo de Salomão que foi destruída; II Cr 7:11-16. Jeová escolheu um lugar para estar a sua glória perpetuamente, mas o templo de Salomão foi derribado, ou seja, a glória de Jeová foi pro lixo. Casa do tesouro não é igreja, mas é casa de sacrifício de animais, e rituais da lei do antigo concerto. E por causa de vós repreenderei o devorador, e ele não destruirá os frutos da vossa terra; e a vossa vide no campo não será estéril, diz o Senhor dos exércitos; Ml 3:11. 

Assim como o dizimo não é dinheiro, o devorador não é o Diabo, é uma espécie de gafanhoto. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem nem um jota ou um til se omitirá da lei, sem que tudo seja cumprido. A lei de Jeová diz que dízimos são alimentos, ninguém pode mudar um i ou til da lei; MT 5:18. A lei não pode ser mudada, dízimo é alimento, então é alimento; Dt 14:22. 

Dízimos Antes da Lei
O dízimo antes da lei começou a ser praticado por Abraão. Abraão deu o dízimo dos despojos da guerra ao rei Melquisedeque, Abraão deu dízimo de sangue; Gn 14:18-20. Jacó fez um voto a Jeová, prometendo dizimar tudo quanto ganhasse se em sua jornada fosse por ele protegido e abençoado; Gn 28.20-22. Esses dízimos foram voluntários, ou seja, sem lei. Jacó só iria dizimar se fosse abençoado. Jericó foi destruída e a prata, o ouro, os vasos de metal deveriam ser trazidos a Jeová, pois deveriam ser depositados no seu tesouro particular. Js 6:19/6:24 / I Reis 7:51/15:18.

Resumo
A lei e o dízimo continuam lá pros judeus. No Brasil também continua mas na forma de dinheiro. É impressionante como uma fabula inventada pelos judeus fosse aderir tantos seguidores. Mas tem os que seguem Paulo que disse que o fim da lei é Cristo. Não seja roubado pelas igrejas. 

terça-feira, 17 de abril de 2012

O SENHOR DOS EXÉRCITOS

Davi, homem segundo o coração de Jeová declarou: Louvai-o, todos os seus anjos; louvai-o todos os seus exércitos; Sl 148:2. Jeová tem exércitos de anjos, homens, animais e pestes. Jeová reúne exércitos de homens para sair às guerras, como no caso de Gideão que venceu a batalha com 300 carniceiros. Davi disse: Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-os, ó entradas eternas, e entrará o rei da gloria; Sl 24:9-10. É uma gloria suja e desprezível. Jeová recebe gloria de carniceiros, Jeová disse: Serei exaltado entre os gentios; serei exaltado na terra; Sl 46:10. Jeová recebe glória dos homens. João era contra essa gloria; Jo 5:41. Jeová disse: Pelo que farei estremecer os céus, e a terra se moverá do seu lugar, por causa do furor do Senhor dos exércitos; Is 13:13. O Senhor dos exércitos se ira todos os dias, ou seja, faz papel de tolo todo santo dia; Sl 7:11 / Ecl 7:9. Jeová é o Senhor dos exércitos, vejamos alguns exemplos de seus exércitos; Jeová disse: E restituir-vos-ei os anos que comeu o gafanhoto, a locusta, e o pulgão e a lagarta, o meu grande exército que enviei contra vós; Joel 2:25. Jeová tem exércitos de:

Vespões (Ex 23:28) 
Rãs (Ex 8:2) 
Piolhos (Ex 8:16) 
Moscas (Ex 8:21) 
Saraiva ( Ex 9:23) 
Gafanhotos (Ex 10:12) 
Serpentes venenosas (Dt 32:24)

De Jeová é a terra e a sua plenitude, o mundo e aqueles que nele habitam; Sl 24:1. Quem habita na terra? Homens, animais, pragas, pragas. Jeová disse a Faraó: Porque se não deixares ir o meu povo, eis que enviarei ENXAMES DE MOSCAS sobre ti, e sobre os teus servos, e sobre o teu povo, e as tuas casas; Ex 8:21. Detalhe: Quem endurecia o coração de Faraó era Jeová. E Jeová fez assim; e vieram grandes enxames de moscas à casa de faraó e às casas dos seus servos, e sobre toda a terra do Egito; a terra foi corrompida destes enxames; Ex 8:24. Quem corrompeu a terra foi o Diabo? O texto é claro. O príncipe das moscas é o Diabo, mas o Senhor das moscas é Jeová.

Os exércitos desse Senhor são pragas e mortandades, e os exércitos de Jeová são seres humanos também, ou seja, carniças. Isaías 10:26 diz: E o Senhor dos exércitos suscitará contra ela um flagelo, como a matança de Midiã junto à rocha de Orebe; e a sua vara se estenderá sobre o mar, e ele a levantará como no Egito. De Jeová só vem destruição, o deus de toda a carne, o deus dos bichos; Jr 32:27.

Resumo
É esse deus que os cristãos estão adorando? Tudo isso é mentira, faz parte de um conjunto de fabulas judaico cristão. Agora se Jeová é mesmo real, ele não passa de um deus tenebroso da classe mais baixa.

O SENHOR DA GUERRA

Um dos nomes do deus de Israel é Jeová Tsebaot que significa Deus da Guerra. Em Êxodo 15:3 Jeová se declara o Senhor da Guerra. Jurou Jeová que haveria guerra contra Amaleque, um de seus desafetos de geração em geração; Ex 17:16. Jeová odeia gerações que nem vieram a vida, é estarrecedor. Jeová tem tempo pra tudo, pra criar pragas, odiar as outras nações, até pra abençoar (quem ele quer), e é claro: Jeová tem tempo de guerra; Ecl 3:8. Tempo de guerra e tempo de ódio! Tempo que os reis saem pra guerra; II Sm 11:1.

Jeová se irritou com Davi que ficou no palácio, pois era para Davi estar na guerra, mas Davi transou com Bate-Seba, que ficou grávida e Jeová por vingança matou a criança que não tinha culpa. Porque Jeová se irritou? Porque era para Davi estar na guerra matando. Jeová tem um LIVRO DE GUERRAS onde ele anota quem vai morrer ao fio da espada; Nm 21:14. Jeová é Senhor e responsável por todas as guerras que se fizeram, e se fazem debaixo do céu. Matou sozinho o reino da Assíria, 185 mil pessoas foram despedaçadas; II Rs 19:32-35. Pelejou sozinho contra os Moabitas e Amonitas e os esmagou; II Cr 20:17.

Jeová levantou Nabucodonosor; Dn 2:37. Nabucodonosor era servo de Jeová; Jr 27:7-6. Nabucodonosor é figura de Satanás e estava a serviço de Jeová. Jeová disse: Todas as nações servirão a ele... E os grandes reis se servirão dele. Jeová declarou que quem não fosse escravo de Nabucodonosor ele mesmo viria com peste, fome e espada, não tinha jeito tinha que ser escravo e pronto; Jr 27:8. Vamos conferir uma das ordens de Jeová em suas carnificinas: Todo o que for achado será traspassado (espada no meio do ventre); e todo o que for apanhado, cairá à espada. E suas crianças serão despedaçadas perante os seus olhos (imagine perna pra um lado, braço pro outro); as suas casas serão saqueadas (roubadas), e suas lhes serão violadas (estupro); Is 13:15-16.

O povo de Israel praticou tudo isso. Jeová disse: Eis que eu despertarei (MUDOU O CORAÇÃO) contra eles os Medos, que não farão caso da prata, nem tampouco desejarão ouro. E os seus arcos (ESPADAS) despedaçarão os jovens, e não se compadecerão do fruto do ventre (MULHER GRAVIDA); os seus olhos não pouparão as crianças; Is 13:17-18. A ordem de Jeová era não ter misericórdia. A espada de Jeová esta cheia de sangue de homens e animais; Is 34:6. A espada de Jeová é também a peste na terra; I Cr 21:12.

Não ir pra Guerra era Pecado!
Moisés disse: Se isto fizerdes assim, se vos armardes à guerra perante o Jeová ... E se não fizerdes assim, eis que pecastes contra Jeová; e sabei que o vosso pecado vos há de achar; Nm 32:20-23. Isso significa que não matar era pecado grave diante de Jeová. Na lei de Jeová diz: Não matarás; Ex 20:3. Não matarás só vale para israel. Davi foi o homem que mais matou no velho testamento I Sm 19:8. Quem ensinava Davi a matar era o Senhor da Guerra. Davi aprendeu na faculdade de guerras de Jeová. Davi disse: Ensina as minhas mãos para a guerra, de sorte que os meus braços quebraram um arco de cobre; Sl 18:34. Por isso Davi era o homem segundo o coração de Jeová, pois matava como Jeová mandava. A guerra está no coração de Jeová e isso é glória pra ele; Sl 24:8.

Davi inspirado disse: As palavras da sua boca eram mais macias do que a manteiga, mas havia guerra no seu coração: As suas palavras eram mais brandas do que o azeite; contudo, eram espadas desembainhadas; Sl 55:21. Tinha guerra que durava quase 50 anos; Dt 2:14. Quando não todos os dias; I Rs 15:6.

Resumo
Segundo a mitologia bíblica quem mandava o povo ir as guerras saquear, matar, estuprar era Jeová. Isso foi o que os autores registraram. Formaram um deus e colocaram a culpa nele por todas essas desgraças. Ja na mentira do novo testamento, foi inventado um deus de paz, que seria bem mais aceito, obviamente. O problema é conciliar a fabula judaica com a mentira da religião cristã.

O AMOR DE JESUS CRISTO

Na bíblia encontramos duas formas de amar. Depende do ponto de vista dos autores, analisemos.

Jeová ensina como Israel deveria amar Israel, Jeová disse: Amarás ao próximo como a ti mesmo. Eu sou Jeová; Lv 19:18. Jeová ensinava o povo judeu a amar o próximo, mas esse próximo era Israel, pois os outros povos Israel nas guerras matava e odiava. Davi é um grande exemplo de ódio pelas outras nações: Não odeio eu, ó Jeová, aqueles que te odeiam, e não me aflijo por causa dos que se levantam contra ti? Odeio-os com ódio perfeito; tenho-os por inimigos; Sl 139:21-22. Se o mandamento do amor de Jeová só valia para Israel, esse amor é um amor imperfeito e maligno, pois é um amor de acepção de pessoas. Jeová não ensinou o amor, porque em Jeová não existe amor, só ódio.

Mateus disse: Ouvistes o que foi dito: Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo; Mt 5:43 e 44. Quem disse? Quem disse para odiar o inimigo? Quem são os inimigos? O texto não disse: "Meu Pai disse" ou "Eu disse", João questiona: Ouviste o que foi dito? Alguém deu um mandamento falso do amor, e alguém mandou odiar o inimigo e esse alguém é Jeová. Jesus anula esse mandamento de Lv 19:18 e estabelece um novo: Eu porém vos digo: Amai os vossos inimigos; Jo 13:34. Se Davi tivesse vivido nos dias de hoje, ele não seria o homem segundo o coração de Deus, pois o coração de Davi tinha ódio perfeito. Por isso que Davi era homem segundo o coração de Jeová, pois odiava e matava como Jeová queria. 

João anula o velho e estabelece o novo: Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós. Como o Pai me amou, também eu vos amei a vós; permanecei no meu amor; Jo 15:9. Jesus disse algo maravilhoso: Ninguém tem maior amor do que este, de dar alguém a sua vida pelos seus amigos; Jo 15:13. João era realmente um escrito romântico.

O apostolo Paulo nos diz o que é o amor: O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se ira, não suspeita mal; não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; I Cor 13:4-8. 

Resumo
É maravilhoso pensar que Jesus é amor. Mas qualquer um pode falar de amor. João e Paulo falaram de amor, e isso é bonito. Mas se Jesus fosse mesmo Deus, e fosse amor, não permitiria que estupros de crianças acontecesse, pessoas morressem de fome, que injustiças mil ocorressem etc. Na real Jesus se fosse mesmo amor, já teria dado um basta nesse mundo cheio de maldade. Não adianta, Jesus nunca foi Deus, era um homem comum. Ele só é famoso, só isso. Jesus não ajuda ninguém, porque já morreu.

DEUS SE ARREPENDE?

O que significa se arrepender? O dicionário responde: Lamentar ou ter pena por alguma coisa feita ou dita, não feita ou não dita, mudar de intenção ou de ideia, desdizer-se, sentimento de pesar (humano), movimento da alma humana. Se arrepender é assumir que errou. 

Jeová jurou a Abraão abençoar e multiplicar o povo de Israel. O povo pecou e Jeová,  irado, decidiu matar e mudar a promessa para a descendência de Moisés. Mas Moisés, interferiu nos novos planos de Jeová, exigindo, que Jeová se arrependesse de tão grande mal. Jeová então se arrependeu e voltou atrás, persuadido por um homem; Ex 32:1-14. Jeová se arrependia tanto que declarou: Estou cansado de me arrepender; Jr 15:6. 

Jeová confessa que pratica o mal e depois se arrepende. Jeová pediu permissão pra Moisés pra destruir o povo: “Deixa vai Moisés que não me aguento de tanto ódio”. Jeová escolheu Saul para ser rei. Jeová disse: Amanhã a estas horas te enviarei um homem da terra de benjamim, o qual ungirás por capitão sobre o meu povo Israel. e Samuel enviou Saul a um rancho de profetas, e lá o espírito de Jeová se apoderou de Saul, e profetizou; I Sm 10:10 / 9:16. 

Saul desobedeceu, Jeová então se arrependeu de haver posto Saul como rei sobre Israel. Rejeitou Saul como rei, e colocou Davi no seu lugar, tirou “seu bom” espírito, colocou um espírito maligno; I Sm 15:14/ 16:3-15. Jeová é um deus que se arrepende do que fez, ou seja, não é onisciente nem onipresente, pois se fosse, saberia o futuro. Jeová também tirou a vocação, e o dom do espírito que estava sobre Saul, e assim os dons e a vocação de Jeová são com arrependimento, contrariando; Rm 11:29, que diz que os dons de Deus são sem arrependimento. Jeová escolheu Salomão desde o ventre; II Sm 12:24. Jeová profetizou o seu nascimento; II Sm 7:12-14. Jeová é o deus que muda conforme o andar da carruagem, por isso se arrepende.

Em I Sm 15:29; Jeová diz que não é homem para que se arrependa. Em I Sm 15:35 diz que se arrependeu de ter posto Saul como rei. Assim não dá, o autor do livro de Samuel não decide. Em II Sm 24:15-16 Jeová confessa que, quando uma nação não obedece a sua palavra, fica imaginando e forjando males. Se a nação obedecer, ele se arrepende do mal que pensava em fazer; Jr 18:7-10. Jeová fez o mal a Israel e depois confessou dizendo: Estou arrependido do mal que vos tenho feito; Jr 42:10. Jeová salvou seu povo do Egito, depois se arrependeu de os ter salvo e os matou; Nm 14:28-30. 

Não tem condição um deus que muda conforme a mudança dos homens. Jeová disse: Destruirei o homem que criei de sobre a face da terra, desde o homem até ao animal, até ao réptil, e até à ave dos céus; porque me arrependo de os haver feito; Gn 6:7. Então se arrependeu Jeová de haver feito o homem sobre a terra e pesou-lhe em seu coração; Gn 6:6. Pesar de coração é movimento da alma humana, seria Jeová perfeito? Boa pergunta. E se lembrou da sua aliança, e se arrependeu segundo a multidão das suas misericórdias; Sl 106:45. Multidões de misericórdias Jeová não têm, Davi se enganou completamente, e outra Jeová se lembrou, por quê? Porque havia se esquecido? 

Jeová se ira todos os dias; Sl 7:11. Não não é rico em misericórdia coisa nenhuma, é nítido Davi não sabia que Jeová é anjo. E Jeová viu as obras deles, como se converteram do seu mau caminho; e Jeová se arrependeu do mal que tinha anunciado lhes faria, e não o fez; Jn 3:10.

A teologia diz: O arrependimento de Deus é diferente. Vejamos: seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não; porque o que passa disto é de procedência maligna; Mt 5:37. Como Jeová falava uma coisa e fazia outra e se arrependia, Jeová é maligno. "Deus" não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa; porventura diria ele, e não o faria? Ou falaria, e não o confirmaria; Nm 23:19 / I Sm 15:29. Paulo disse: Porque os dons e a vocação de deus são sem arrependimento; Rm 11:29. 

Resumo
A narrativa dos autores dos livros do velho testamento são uma piada. Querem levantar um deus todo poderoso, mas lhe atribui falhas humanas. Se arrepende e ainda se cansa, não tem cabimento. Paulo discordava pois o seu deus não tinha arrependimentos, como o deus dos judeus. Quem é a Magdalena arrependida? São os autores dessa novela de vai e vem. A bíblia além de ser um livro mitológico é cheio de contradições. Não se iluda Mateus a Paulo não ficam atras em contradições e mentiras. 

JURAMENTO

Jeová declarou: A Jeová teu deus temerás (medo), e a ele servirás, e pelo seu nome jurarás; Dt 6:13. Não jurareis falso pelo meu nome, pois profanarás o nome do teu Deus. Eu sou o Senhor Jeová; Lv 19:12. Jeová profetizou que no futuro, se dobrarão todos os joelhos, e afirma: Por mim jurará toda a língua; Is 45:23. Jeová declara que no novo céu e na nova terra que vai criar, os homens jurarão pelo seu nome; Is 65:16-17. Esta provado então que Jeová ordena juramento. Pelo menos é isso que afirmam os autores dos livros de Isaías, Levítico e Deuteronômio.

Veja que tipo de novos céus e nova terra Jeová tinha planejado construir: Não haverá mais nela criança de poucos dias, nem velho que não cumpra os seus dias; porque o menino MORRERÁ de 100 anos; porém o pecador de 100 anos SERÁ AMALDIÇOADO. Não edificarão para que outros habitem; não plantarão para que outros comam; porque os dias do meu povo serão como os dias da árvore, e os meus eleitos gozarão das obras das suas mãos. Não trabalharão debalde, nem terão filhos para a perturbação; porque são a posteridade bendita do Senhor, e os seus descendentes estarão com eles. E será que antes que clamem eu responderei; estando eles ainda falando, eu os ouvirei. O lobo e o cordeiro se apascentarão juntos, e o leão comerá palha como o boi; e pó será a comida da serpente. Não farão mal nem dano algum em todo o meu santo monte, diz Jeová; Is 65:20-25.

O deus da verdade? Que verdade? O que Jeová fala não se escreve, Jeová profetizou que iria construir novos céus e nova terra, e iria fazer igual fez no dilúvio, destruir todo mundo e fazer tudo de novo. Mas nessa nova terra de Jeová, que aliás as testemunhas de Jeová esperam, é aqui na terra, na carne e vai ter pecado, maldição, morte e SERPENTE. Pó é o homem e serpente é Satanás, ou seja, nessa nova terra de Jeová o homem vai continuar sendo comida de serpente.

Tiago e Mateus não concordavam com isso: Ouvistes o que foi dito por Jeová? Cumprirás os teus juramentos ao Senhor. Eu, porém, vos digo que de maneira nenhuma jureis... Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não; porque o que passa disto é de procedência maligna”; Mt 5:33-37. Mas, sobretudo, meus irmãos, não jureis, nem pelo céu, nem pela terra, nem façais qualquer outro juramento; mas que a vossa palavra seja sim, sim, e não, não; para que não caiais em condenação; Tg 5:12. 

Mateus e Tiago condenaram o juramento da lei de Moises, e atribuíram esse ensino a Jesus. Porque juramento é coisa maligna, se é coisa maligna Jeová é maligno. Jeová da leis e estatutos maus que são para morte, Ezequiel disse isso: Por isso também lhes dei estatutos que eram maus, juízos pelos quais não haviam de viver; Ez 20:25. Se não havia de viver, havia de que? DE MORRER! 


Resumo
O conteúdo da Lei de Moises não batem com o novo testamento. Não adianta, são duas realidades diferentes. Ajuntar os dois, gera confusão. Uma coisa é a mitologia judaica, e outra é religião cristã que também é uma invenção recheada de marketing em cima de um homem que virou deus.