domingo, 20 de outubro de 2013

A MENTIRA DO ARREBATAMENTO

Introdução: Neste estudo vamos analisar a questão do arrebatamento, acontecimento tal que os cristãos esperam. Vamos tratar sobre a volta de Jesus. Haverá juízo final? Haverá trono branco? Haverá ressurreição de justos e ímpios? Vamos tratar também sobre a morte do sol. Analise e tire suas conclusões.

O que significa o termo arrebatamento? Arrebatar significa retirar, tirar de um lugar com força; arrancar. Mas de onde veio esta doutrina? Supostamente veio do apostolo Paulo, vamos à leitura do texto: Dizemos-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: Que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem. Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares; I Tss 4:15-17. Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados; num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados; I Cor 15:51-54.

Analisemos imparcialmente:
  1. “Paulo” fala de nós, nós quem? “Paulo” se inclui no arrebatamento?
  2. Os que dormem? Quem morre dorme? Dorme aonde?
  3. Onde esta registrado nos evangelhos que Jesus na sua vinda ressuscitaria os mortos na condição material? Onde foi que Jesus falou a palavra arrebatamento?
  4. Voz do arcanjo? Qual arcanjo “Paulo” esta se referindo? Quantos arcanjos existem?
  5. Trombeta? Deus tem trombeta? De qual trombeta “Paulo” esta se referindo? Acaso estaria se referindo às trombetas do apocalipse? Qual delas “Paulo” se refere?
  6. Quando “Paulo” escreveu esta carta o livro do apocalipse já estava montado?
  7. Os que morreram em Cristo? Engraçado, e os que viveram antes de Cristo? Não serão salvos? O texto enfatiza que só irá ser salvo quem “Aceitar Jesus”.
Essas informações nas cartas de Paulo cheira adulteração e fabula. Essa doutrina diverge de seus ensinos. A doutrina do arrebatamento secreto, não foi encontrada na história de nenhuma literatura cristã até o século XIX. Tudo isso é invenção. Por exemplo, os autores da série “Deixados para Trás” consiste em afirmar que no futuro a terra experimentará um reinado de Jesus que durarão 1.000 anos. Antes deste reinado, os "verdadeiros crentes" serão "arrebatados" por Jesus, ascendendo com Ele de maneira secreta e silenciosa entre as nuvens.
Logo a trombeta soará em silêncio, ou somente os “privilegiados crentes” a ouvirão. Os infelizes que serão "deixados para trás" sofrerão um período de 7 anos de tribulações sob o comando do Anticristo e terão mais uma única chance. Ao findar os 7 anos, Jesus retornará para uma 3º vinda para resgatar os que o aceitaram. Jesus Cristo não assumiu o trono de Davi segundo a profecia de Daniel 9:24 e nem é o messias do Salmos 2, pois Jesus não regeu as nações com vara de ferro. Como a teologia não achou uma saída, inventou que as 70 semanas da profecia de Daniel não se cumpriram, porque ainda falta uma. Se 70 semanas estão determinadas, e ainda falta uma, que está por vir, então Cristo não encerrou o pecado na carne, logo Israel esta certa: O Messias de ainda não veio. A história dos 7 anos de tribulação, do milênio e do arrebatamento em carne e osso é uma invenção teológica.
Ressurreição dos homens na Carne - O erro se enraizou; a crença em um arrebatamento e em uma ressurreição de corpos físicos no “retorno de Cristo” ganhou fama e impregnou como uma praga. Embora o termo "corpo" seja amplo o suficiente para significar corpos espirituais, o significado físico foi concebido pelos antigos. Uma adulteração ou má interpretação relatada no evangelho de João, de que haveria um arrebatamento corporal na “volta do Jesus Cristo”, também sobreviveu e continua até hoje.
A noção de que Cristo retornaria na carne e visivelmente está intimamente relacionada com a ideia de um arrebatamento corporal e uma ressurreição da carne. Se o reino de Cristo é espiritual como ensinam os autores do novo testamento, não faz sentido ressurreição de corpos mortais; I Cor 15:50; Jo 6:63.

A Segunda Vinda de Jesus Cristo - Sua vinda não seria corporal, seria providencial; não seria visível, seria historicamente perceptível. Em Mateus 24:30, Jesus disse que "apareceria" o sinal do Filho do homem reinando no céu nos eventos que marcariam a destruição da cidade e do templo. Jesus disse ao Sinédrio: Eu o sou, e vereis o Filho do homem assentado à direita do poder de Deus, e vindo sobre as nuvens do céu; Mc 14:62. Essa é a mesma vinda "do seu reino" que Jesus disse aos apóstolos que aconteceria enquanto alguns deles ainda estivessem vivos. Em cada um desses versos a vinda do Senhor não seria física e nem visível; Mt 16:27-28 / Mc 9:1. Tudo isso também são invenções. 

Jesus Cristo Ressuscitou em Carne e Sangue? No evangelho de Lucas encontramos uma falsa ressurreição. Jesus supostamente “aparece” aos seus e teria dito: Vede as minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho; Lc 24:39. Em João 20-31 temos o relato de Jesus ter “aparecido” aos discípulos e Tomé ter tocado no corpo de carne e osso de Jesus. No capítulo 21 Jesus aparece pela “terceira vez” aos discípulos, e ainda come peixe na brasa, a pergunta que se faz é: Se Jesus comeu e bebeu, pra onde foi aquela comida? Jesus foi ao banheiro aliviar o ventre antes de subir aos céus? Jesus antes de subir foi fazer xixi? São fabulas puras, tudo invenção.

Em Mateus 16:27 por exemplo e em outras passagens, diz que na “volta do filho homem”, “deus” daria a cada um segundo as suas obras. Acontece que a salvação do Pai é graça sobre graça. Se a graça de Deus esta ligada às obras, logo se anula a graça. Mais contradição gritante.

Ressurreição do Corpo de Lázaro - A história de Lazaro irmão de Marta e Maria é narrado unicamente no Evangelho de João e muitas vezes confundido com a parábola do Lazaro mendigo, citado no Evangelho de Lucas. Outra história mentirosa para fazer fama e tornar Jesus um deus. Mas, as circunstâncias históricas desse milagre provavelmente não são exatamente como narradas por João. Depois deste acontecimento a fama de Jesus se espalhou e Lazaro foi perseguido e morto novamente. A pergunta é: Jesus ressuscitou Lázaro para que morresse duas vezes?
A Morte do Sol - Segundo especialistas o sistema solar é idêntico a outros sistemas. O Sol é uma estrela e por isso vai morrer um dia. Quando e como isso acontecerá os astrônomos estão em debates. Para chegar a esta resposta, eles criaram uma teoria, com a qual podemos entender a formação de uma estrela, o que ocorre com ela ao longo do tempo, as mudanças de brilho e tamanho, e várias outras coisas. O mundo material tem um tempo de vida. No Egito o Sol era adorado como se fosse Deus, e o símbolo mais usado pelos Reis e Faraós era o Olho de Hórus, na mitologia a mais detalhes sobre isso. Veja como será a morte do sol, AQUI | AQUI

Pra encerrar, um assunto muito comentado atualmente é sobre a Nova ordem Mundial. Recentemente vazou informações de que a NASA detém de uma nova tecnologia que se chama “Blue Beam” que consiste em uma volta visível de Jesus ao mundo com efeitos holográficos, ou seja, com uma tecnologia avançada de efeitos visuais e comando do cérebro através de computadores. Testes já estão sendo feitos e em breve uma falsa volta visível de Jesus Cristo será presenciada pela humanidade, se isso é verdade ou não quem viver até lá vai poder comprovar.

Conclusão
Pros judeus Jesus não é o messias, Jesus não é deus. Nesse ponto eles estão certos, o cristianismo é uma grande farsa. Não existe arrebatamento e muito menos ressurreição de corpos. Arrebatamento, milênio, ressurreição são fabulas cristãs incoerentes para não dizer patéticas. Paulo é um grande mentiroso inventor de historias.